Disciplinas

Esta disciplina apresenta, através de uma perspectiva histórico-comparativa, o debate atual sobre as transformações tecnológicas em curso no nível internacional e suas implicações, tanto para países desenvolvidos como para países latino-americanos. Analisa o desenvolvimento científico e tecnológico desde a primeira Revolução Industrial até os dias de hoje, procurando discutir as relações entre ciência, tecnologia e sociedade.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Fundamentos de estudo e campos de aplicação da Geologia. Componentes do Sistema Terra e esferas terrestres (geosfera, atmosfera, hidrosfera, biosfera e esfera social). Tempo geológico, materiais terrestres e Tectônica de Placas. O Homem como agente geológico; situações de risco geológico. Atividades práticas de campo para reconhecimento de processos naturais e da interações destes com a ação humana. Representação e tratamento de informação geológica. Aprendizagem ativa e uso de recursos educacionais em Geociências. Atuação profissional e educacional em Ciências da Terra. Práticas de laboratório e trabalho de campo.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Definição do objeto da Geografia. Fundamentos teórico-metodológicos para análise do espaço geográfico. Distinção entre espaço natural e espaço geográfico. Técnica e política: as sucessivas transformações do meio geográfico. O processo de planetarização do espaço geográfico. Compartimentação do espaço e indissociabilidade das relações entre lugar, região, território e mundo no atual período histórico. Recontextualização dos conceitos e conteúdos da geografia humana desenvolvidos no processo de escolarização e na universidade.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Introdução à Cartografia. Princípios de Geodésia. Escalas. Sistemas de Coordenadas. Projeções Cartográficas. Sistema Cartográfico Nacional (SCN). Uso de Cartas, Mapas e Plantas em Ciências da Terra. Sistema de Posicionamento Global (GPS). Elementos de Topografia. Cartografia Digital. Trabalhos de campo e elaboração de relatório.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Conceitos básicos de Geografia Física. O estrato geográfico e a superfície da Terra como unidade geográfica. Análise e dinâmica dos sistemas geomorfológico, pedológico, climático e hidrográfico. Grandes domínios naturais da Terra. Recontextualização dos conceitos e conteúdos de geografia física desenvolvidos no processo de escolarização e na universidade. Geografia Física e Educação Ambiental no currículo escolar, aproximações, diferenças e disputas. Atividades de campo como práticas contextualizadoras de conhecimentos de geografia física.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Conceitos básicos de geologia. Origem do universo e origem do Sistema Solar. Estrutura e composição da Terra. Dinâmica interna do planeta Terra e a tectônica de placas. Materiais terrestres: rochas e minerais. O registro geológico e a escala do tempo geológico. Noções dos processos de interações entre os sistemas terrestres (litosfera, hidrosfera, biosfera, atmosfera e antroposfera). Mapas geológicos e noções básicas de trabalhos de campo em geologia. Sistema Terra e a humanidade.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Treinamento para executar autonomamente projetos geológicos específicos técnicos ou científicos, procurando aplicar os conhecimentos adquiridos em disciplinas do curso, em escala de detalhe ou regional.

Créditos: 12

Caderno de Horários da DAC

Atividades de estágio que propiciem ao profissional em formação o contato com experiências, práticas e conhecimentos próprios ao campo profissional.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Atividades de estágio que propiciem ao profissional em formação o contato com experiências, práticas e conhecimentos próprios ao campo profissional.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Introdução à abordagem científica relacionada à pesquisa de Geologia. Teorias e hipóteses. Levantamentos de dados. Aplicação de técnicas de pesquisa. Análise de resultados. Elaboração de relatórios de pesquisa e outras formas de divulgação.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Introdução à abordagem científica relacionada à pesquisa de Geologia. Teorias e hipóteses. Levantamentos de dados. Aplicação de técnicas de pesquisa. Análise de resultados. Elaboração de relatórios de pesquisa e outras formas de divulgação.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Atividades de estágio que propiciem ao profissional em formação o contato com experiências, práticas e conhecimentos próprios ao campo profissional, de acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para os cursos de graduação na área de Geologia. O estágio deve ser realizado junto a empresas credenciadas pela Coordenadoria de Graduação do Instituto de Geociências e pelo Serviço de Apoio ao Estudante (SAE) da UNICAMP.

Créditos: 8

Caderno de Horários da DAC

A ementa desta disciplina será definida por ocasião de seu oferecimento.

Créditos: 2

Caderno de Horários da DAC

A ementa desta disciplina será definida por ocasião de seu oferecimento.

Créditos: 2

Caderno de Horários da DAC

Minerais: conceito, classificação, abundância e ambientes de formação. Cristalo-química. Ligações químicas, número de coordenação e poliedro de coordenação. Substituições iônicas: soluções sólidas, isomorfismo e polimorfismo. Composição química, estrutura cristalina e radiação eletromagnética. Propriedades mecânicas: clivagem, fratura, dureza, traço, hábito e densidade. Propriedades óticas (cor, brilho, luminescência), magnéticas e radiotividade. Cristalografia: cela unitária, retículo cristalino, elementos de simetria, sistemas e classes de simetria. Estruturas cristalinas dos minerais.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Estudo dos componentes físicos, químicos e biológicos dos depósitos sedimentares (recentes e antigos), visando à identificação de estruturas, texturas, evidências genéticas e do arranjo espacial, para compreensão da geometria e dinâmica dos corpos estratiformes.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Desenvolvimento histórico da Geoquímica. Abundância cósmica dos elementos, estrutura e composição da geosfera. Química da hidrosfera e atmosfera. A biosfera e os depósitos biogênicos. Conceitos básicos de geoquímica superficial aplicáveis ao entendimento da formação de solos e dos depósitos lateríticos. Paisagens geoquímicas, processos naturais e antrópicos. Aplicações de geoquímica em exploração mineral e em estudos ambientais.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Identificação de minerais, estruturas e texturas de rochas ígneas. Fundamentos da geoquímica de elementos maiores, traços e de isótopos. Classificações das rochas ígneas. Estudo do equilíbrio de fases. Ambientes tectônicos de formação das rochas ígneas. Trabalho de campo para visita a afloramentos de rochas ígneas.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Introdução aos sistemas de sensoriamento remoto orbital multiespectral, hiperespectral e de radar. Interpretação de imagens orbitais pancromáticas, multiespectrais e de radar. Introdução ao processamento digital de imagens de sensoriamento remoto. Aplicações do sensoriamento remoto aéreo e orbital em mapeamento geológico-estrutural, geomorfologia e no estudo do uso e ocupação do solo.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

A evolução do conceito de sustentabilidade e suas implicações para a regulação das atividades econômicas de exploração de recursos naturais, com foco em energia e mineração. Gestão e governança sustentáveis das empresas e instituições nesses setores. Papel da inovação como vetor de desenvolvimento sustentável na exploração de recursos naturais.

Créditos: 2

Caderno de Horários da DAC

Estudo de descrição e classificação das rochas sedimentares. Análise dos processos que geram as rochas sedimentares através da textura, das estruturas sedimentares e das geometrias das camadas. Conceitos básicos de análise de fácies. Atividade prática no campo de análise sedimentológica.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Importância dos recursos minerais e energéticos no contexto da economia brasileira e mundial. Escassez de recursos minerais e energéticos, regras de exaustão, produção e consumo de bens minerais, preços e mercados de bens minerais. A pauta brasileira de exportação versus importação. Dotação mineral e desenvolvimento econômico.

Créditos: 2

Caderno de Horários da DAC

Abordagem histórica e comparativa da evolução das principais teorias de administração e gestão organizacional e suas relações com o pensamento econômico e sociológico.

Créditos: 3

Caderno de Horários da DAC

Geofísica geral e aplicada. Aplicações de métodos geofísicos em mapeamento geológico, determinação de feições tectono-estruturais, prospecção mineral, hidrogeologia e estudos ambientais.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Estudo da organização geométrica das rochas sedimentares e de baixo grau metamórfico da crosta terrestre. Análise dos princípios e métodos da lito-, bio- e cronoestratigrafia, da arquitetura deposicional e da Estratigrafia de Sequências aplicadas aos principais sistemas deposicionais. Análise de bacias e relações entre tectônica e sedimentação. Aplicação em campo de todos os métodos estratigráficos.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Princípios de interpretação geológica de fotografias aéreas. Introdução aos sistemas de sensoriamento remoto orbital multiespectral, hiperespectral e de radar. Interpretação de imagens orbitais pancromáticas, multiespectrais e de radar. Introdução ao processamento digital de imagens de sensoriamento remoto. Aplicações do sensoriamento remoto aéreo e orbital em mapeamento geológico-estrutural, geomorfologia e no estudo do uso e ocupação do solo.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Treinamento de campo em mapeamento geológico de terrenos com ocorrência de rochas ígneas e metamórficas. Elaboração de mapas e relatórios.

Créditos: 12

Caderno de Horários da DAC

Tectônica de Placas e Tectônica Global. Estudo e caracterização de ambientes geológico-tectônicos. Regimes tectônicos, regime convergente e cinturões de cavalgamento, regime transcorrente e cinturões transcorrentes, regime distensivo e cinturões distensivos, regime intraplaca. Análise de ambientes tectônicos principais no Brasil, América do Sul e África. Neotectônica. Trabalho de campo e elaboração de relatório.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Estudo das técnicas aplicadas à exploração regional, prospecção, pesquisa e avaliação de recursos minerais. Métodos diretos e indiretos utilizados nas fases de busca a avaliação de jazidas minerais. Discussão das ferramentas quantitativas para estimativa e avaliação de reserva. Análise de custos e otimização de campanhas exploratórias de recursos minerais. Aspectos ambientais relacionados à exploração mineral. Impacto da legislação mineral nas atividades de exploração e produção. Trabalhos de campo e elaboração de relatório.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Gestão, supervisão, orientação técnica sobre geologia ambiental. Coleta de dados, planejamento e projeto geológicos do curso e ocupação do solo urbano. Estudo e recuperação ambiental de solos e águas subterrâneas, contaminadas, implantação de aterros de resíduos sólidos e avaliação de impactos ambientais, risco geológico (erosão, inundações, instabilidade de encostas). Cartas geotécnica, planejamento do uso racional de recursos minerais hídricos. Trabalhos de campo e elaboração de relatório referente a casos de tratamento de resíduos, levantamento de contaminação e risco geológico.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Conhecimentos sobre os problemas geológicos que afetam as obras de engenharia civil, incluindo o uso de materiais de construção, instabilidade de taludes, erosão e assoreamento. Obras viárias, fundações, barragens, túneis e outras obras subterrâneas, desmonte de rochas. Técnicas de cartografia geotécnica. Trabalhos de campo e elaboração de relatório.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Treinamento de campo em levantamentos básicos do meio físico, utilizando e integrando os conhecimentos adquiridos em várias disciplinas do curso e objetivando a aplicação dos resultados em mapeamentos geológico, metalogênese e prospecção; planejamento do uso e ocupação do solo, manejo de bacias hidrográficas, planejamento urbano e gestão ambiental, entre outras aplicações.

Créditos: 12

Caderno de Horários da DAC

Introdução à abordagem científica relacionada à pesquisa de Geografia. Teorias e hipóteses. Levantamentos de dados. Aplicação de técnicas de pesquisa. Análise de resultados. Elaboração de relatórios de pesquisa e outras formas de divulgação.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Atividades de estágio que propiciem ao profissional em formação o contato com experiências, práticas e conhecimentos próprios ao campo profissional.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Atividades de estágio que propiciem ao profissional em formação o contato com experiências, práticas e conhecimentos próprios ao campo profissional.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

A ementa desta disciplina será definida por ocasião de seu oferecimento.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

A ementa desta disciplina será definida por ocasião de seu oferecimento.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Fornecer instrumental conceitual básico da Economia Política do Território. Para tanto, elencamos os seguintes pontos: o espaço geográfico como condicionante econômico-social; as divisões técnicas, social e territorial do trabalho; centro, periferia e difusão das modernizações; cadeias e circuitos espaciais produtivos; concentração e centralização dos capitais; o território nacional como mediação entre os fluxos globais do capital e as economias regionais; monopólios, oligopólios e alienação dos espaços no Terceiro Mundo.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Introdução à Cartografia. Princípios de Geodésia. Escalas. Sistemas de Coordenadas. Projeções Cartográficas. Sistema Cartográfico Nacional (SCN). Uso de Cartas, Mapas e Plantas em Ciências da Terra. Sistema de Posicionamento Global (GPS). Elementos de Topografia. Cartografia Digital. Trabalhos de campo e elaboração de relatório.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

O conhecimento geográfico no Mundo Antigo e no Mundo Medieval. Período Renascentista e conhecimento do mundo. Filosofia, Ciência e Geografia dos Modernos. A Institucionalização da Geografia, Estado, colonialismo e conhecimento geográfico. O Pensamento Libertário e a geografia. Determinismo e possibilismo. Difusão das Escolas de Geografia. Renovação da geografia e redefinição do objeto. Geografia Pragmática e planejamento econômico. As geografias radicais. Tendências teórico-metodológicas atuais.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

1.Sensores remotos fotográficos 2.Sensores remotos orbitais 3.Espectro eletromagnético 4.Comportamento espectral de objetos geográficos 5.Estrutura das imagens orbitais 6.Processamento digital de imagens 7.Classificação digital de imagens 8.Geração de mapas temáticos a partir de imagens classificadas 9.Tópicos especiais de sensoriamento remoto para Geografia.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Estudos das formas de relevo, gênese e evolução. Análise das inter-relações: rocha X solo X clima X relevo, com ênfase nos aspectos tectono-estruturais. Unidades morfoestruturais do globo terrestre. Processos endógenos no modelado do relevo. Teorias e técnicas de mapeamento geomorfológico.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Os atributos naturais do continente americano enquanto recursos materiais de poder: recursos naturais, biodiversidade, recursos hídricos e energéticos. Os territórios e a formação diferenciada dos estados nacionais. A invenção da América Latina como categoria regional. A geopolítica global e a geopolítica da América Latina. América Latina: industrialização, urbanização e metropolização. A integração regional na América Latina. As geografias dos organismos supranacionais na América Latina. As populações tradicionais do continente americano. Atores extra-regionais na América Latina (EUA, EU e Rússia)

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Fenômenos intervenientes nos fluxos de água. Ciclo hidrológico. Bacia hidrográfica. Precipitação. Interceptação vegetal. Infiltração. Escoamento superficial. Evaporação. Transpiração vegetal. Previsão de enchentes. Propagação de enchentes em reservatórios e canais. Oceanos e mares. Relevo submarino. Movimento das águas oceânicas. Erosão marinha. Problemas ambientais.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Atividade agrícola e interdependência com outros setores da economia. Bases fundiárias e sociais: distribuição e tipos de propriedade, de estabelecimentos, de exploração econômica e de relações de trabalho. Bases econômicas do estabelecimento agrícola. A atividade agrícola e a natureza como recurso e restrição. Fatores da produção: terra, trabalho, capital e informação. Comercialização e mercado. Atributos da atividade. Regionalização.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

A Primeira e Segunda Revolução Industrial: transição para o capitalismo, o nascimento da fábrica, a etapa monopolista do capitalismo e o surgimento das grandes corporações, gênese e difusão do taylorismo e do fordismo. A crise do fordismo e a emergência de um novo paradigma de organização industrial. A divisão internacional do trabalho. Sistemas industriais e organização do espaço: processos de concentração e desconcentração (nível mundial, nacional, regional e local). Política industrial e planejamento espacial: Estado, indústria e meio ambiente.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Os recursos naturais como base para o desenvolvimento, a natureza como recurso. Avaliação socioeconômica e balanço entre oferta e demanda de recursos naturais. Recurso natural, meio ambiente e a mediação tecnológica. A gestão dos recursos naturais sob a ótica ambiental.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Perspectivas e pressuposições teóricas. Zonas morfoclimáticas do globo. O modelado das regiões quentes e úmidas. O sistema morfogenético e os processos denominantes. O sistema morfoclimático das regiões secas. Os mecanismos e as influências geomorfológicas das oscilações paleoclimáticas no quaternário.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

O processo de intemperismo nas diferentes regiões do globo terrestre. Fatores e processos de formação do solo. Principais propriedades físicas e químicas dos solos. Classificações taxonômicas e utilitárias dos solos. Cartografia de solos e suas aplicações em Ciências da Terra. Trabalhos de campo e elaboração de relatório.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

A Climatologia no contexto das ciências atmosféricas e da ciência geográfica. Escalas climáticas. Variação das condições climáticas ao longo do tempo e variabilidade atual. Análise rítmica; Clima e suas relações com saúde, recursos hídricos, energia, agricultura; A ação antrópica no clima (poluição atmosférica, clima urbano, destruição da camada de ozônio estratosférico, etc.); Modelos de previsão de tempo e clima; A climatologia geográfica no planejamento territorial; O papel da mídia; Discussão das mudanças climáticas nos foros políticos; Ensino da climatologia no ensino fundamental e médio.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

O aumento da circulação como um primeiro movimento para a mundialização. Os meios de transportes, a ocupação especial e a circulação de mercadorias e pessoas. Os meios de comunicação e as novas tecnologias de informação.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

População mundial: história e espaço geográfico. Teoria da transição democrática. Fontes de dados. Movimentos migratórios e mobilidade populacional. Natalidade, mortalidade, crescimento natural e vegetativo. Composição e técnicas de mensuração: etária, por sexo, étnica e estudos de PEA. Medidas de densidade e distribuição populacional. Processos de projeção populacional e tendências de mobilidade. Desigualdades regionais e o Planejamento. Estudos de caso.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Definição e evolução do fenômeno urbano. As cidades: os sítios, o crescimento horizontal e vertical, a estrutura urbana, as áreas funcionais, o sistema viário e a circulação. A interdisciplinaridade dos estudos urbanos. Centralidade, hierarquia e redes urbanas. Conjuntos urbanos complexos: áreas metropolitanas e conurbação. Valor e renda da terra. Meio ambiente e qualidade de vida no meio urbano. Paisagens, usos do solo e culturas urbanas.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Articulação de conhecimentos teóricos e práticos com vista à apropriação educativa da cartografia e das linguagens contemporâneas para o ensino de geografia. Aproximação de práticas escolares e culturais na produção de saberes e conhecimentos geográficos.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Produção e consumo da e na Cidade. A metropolização e as redes de relações. Problemáticas urbanas: uso do solo, segregação especial e problemas ambientais da urbanização.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Retrospectiva histórica da agricultura brasileira. Relações sociais na agricultura. Modernização da agricultura no Brasil. Caracterização da produção agrícola e agroindustrial: fatores de produção, estrutura agrária. Comercialização e abastecimento. Desenvolvimento agrícola e agroindustrial.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Levantamento de fontes de dados, técnicas, métodos de pesquisa e/ou de elaboração de materiais gráfico e cartográfico sobre o espaço geográfico e/ou educação em geografia, podendo ter como parâmetro um estudo de caso; elaboração de um projeto de pesquisa.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Conceituação, classificação, ocupação e gestão das bacias hidrográficas. Organização regional: a bacia hidrográfica como instrumento de análise regional e dado natural. A ocupação e os poderes público e privado e a organização social. Recursos hídricos: a relatividade da escassez e da abundância diante da tecnologia, da urbanização e da industrialização.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Enfoque de práticas, a partir da análise e reflexão dos conteúdos propriamente geográficos representativos para os ensinos médio e fundamental; Análise e reflexão sobre o exercício e as práticas da ação administrativa, docente e de supervisão em escolas ou outras instituições; acompanhamento de atividades e/ou instituições educativas e pedagógicas em escolas ou outras instituições.

Créditos: 6

Caderno de Horários da DAC

Utilização de métodos e técnicas de pesquisa em geografia e/ou educação em geografia: documentação indireta (dados, documentos, mapas, cartas, imagens), documentação direta (pesquisa de campo, observação, medição, entrevista, questionários fechados e abertos) e outras metodologias, tendo por objetivo a realização de uma dentre quatro categorias de pesquisa: 1) trabalhos teórico-empíricos e/ou síntese bibliográfica de temas afeitos à pesquisa geográfica e/ou educação em geografia (tipo monografia); 2) mapeamentos e suas interpretações e relatórios; 3) relatório final de iniciação científica; 4) relatório final de estágio profissional supervisionado.

Créditos: 8

Caderno de Horários da DAC

A formação científico-cultural objetiva aprofundar conhecimentos relativos a áreas relacionadas ao trabalho pedagógico na educação, tendo especial atenção com a ampliação e enriquecimento geral incluindo experiências extra-curriculares diversificadas que propiciem acesso, conhecimento e familiaridade com linguagens culturais, artísticas, corporais e científicas, indispensáveis para o trabalho em sala de aula.

Créditos: 7

Caderno de Horários da DAC

A formação científico-cultural objetiva aprofundar conhecimentos relativos a áreas relacionadas ao trabalho pedagógico na educação, tendo especial atenção com a ampliação e enriquecimento geral incluindo experiências extra-curriculares diversificadas que propiciem acesso, conhecimento e familiaridade com linguagens culturais, artísticas, corporais e científicas, indispensáveis para o trabalho em sala de aula.

Créditos: 7

Caderno de Horários da DAC

A disciplina pretende fornecer uma ideia integrada das transformações terrestres e do entendimento sistêmico da Terra. Trata das esferas materiais terrestres e das suas inter-relações: atmosfera, hidrosfera, crosta terrestre, manto, núcleo, biosfera e noosfera. Inclui tempo geológico. A disciplina abrange a natureza do conhecimento e os processos geológicos.

Créditos: 2

Caderno de Horários da DAC

Abrange a natureza do conhecimento geológico e o estudo do processo histórico-geológico. Investiga o desenvolvimento das esferas terrestres (atmosfera, hidrosfera, biosfera, noosfera, litosfera, manto e núcleo) sob o ponto de vista do tempo geológico. Inclui estudos da interação de processos terrestres e seu entendimento ao longo do passado da terra. Envolve atividades de campos para reconhecimento de processos geológicos.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

Geoquímica de crosta terrestre; revisão de cristaloquímica, sistemas cristalinos e simetria; tipos de estruturas cristalinas, cálculo de sítios de ocupação; propriedades e identificação macroscópica de minerais; identificação de minerais por difratometria de raio-X; processos de formação de rochas e físico-química da cristalização magmática; identificação macroscópica das rochas; usos dos minerais na indústria; dinâmica do planeta: interior da terra e tectônica de placas.

Créditos: 4

Caderno de Horários da DAC

A disciplina visa contribuir para a formação básica dos alunos de graduação dos vários cursos da Unicamp, através da análise das implicações sociais e políticas do desenvolvimento tecnológico nas sociedades contemporâneas, bem como seus determinantes econômicos gerais, com ênfase nas especificidades estruturais do Brasil.

Créditos: 3

Caderno de Horários da DAC